Fusca Conversível – O que você precisa saber antes de transformar o seu?


                                                                                               Fusca Conversível

O Fusca foi o primeiro modelo de automóvel fabricado pela Volkswagen.

Criado na Alemanha nos anos 30, o Fusca já vivenciou vários momentos históricos, como a segunda guerra mundial e também já passou por muitas transformações até chegar ao modelo que é hoje.

O carro mais vendido do mundo teve sua última fabricação em 2003 no México e até hoje é adorado pelos apaixonados por carro.

Apesar de ter feito várias modificações, a Volks não lançou um modelo Conversível do Fusca.

O Fusca conversível foi e ainda é, o carro dos sonhos de muitos brasileiros, por isso são vários os casos de pessoas que resolveram fazer seu próprio Fusca Conversível.

Muitos irão concordar que não existe nada melhor que sair com seu conversível naquele dia ensolarado, com os cabelos ao vento e curtindo aquela sensação de liberdade.

fusca conversivel preto com estofado vermelhoEm muitos dos casos a transformação do Fusca normal para conversível é um sucesso e o dono fica com um carro lindo e exclusivo, mas também existem os casos de fracasso.

Os maiores casos de fracasso, geralmente ocorrem porque a pessoa quis fazer esse tipo de serviço sozinho, sem a ajuda de um profissional.

Transformar um Fusca em um conversível não é somente cortar e tirar o teto.

Existe todo um processo e vários cuidados que devem ser levados em consideração para que a transformação de seu Fusca em um Conversível seja um dos casos de sucesso.

Claro que existem os casos em que a própria pessoa fez o serviço e a transformação foi um sucesso, como o do Adilson fusca convencional ao lado de fusca conversivelBiazotti, do interior de São Paulo.

No entanto, ele mesmo afirmou em entrevista ao site G1, que precisou de muito tempo de estudo, dedicação e perseverança.

Foram 4 anos de dedicação para realizar o sonho de ter seu Fusca Conversível.

(Confira a imagem).

Se você pensa em transformar seu Fusca em Conversível, o primeiro passo é procurar por um bom profissional, procure uma oficina que tem experiência em fazer conversíveis, pois qualquer erro pode tornar o carro inutilizável, basta um corte no lugar errado e o carro pode se partir ao meio.

É importante você saber que não é qualquer carro que pode ser transformado em conversível logo de cara, isso depende muito das condições da estrutura do carro.

Um carro com uma carroceria comprometida não pode ser transformado antes de ser realizado o conserto.

Portanto, verifique se o profissional que você contratou para fazer o serviço se atentou em fazer uma análise minuciosa da estrutura do Fusca.

Oficinas experientes em fazer Fuscas Conversíveis, além de realizar uma análise da estrutura, também montam, com todo o cuidado, o projeto da transformação.

Isso para evitar possíveis erros que podem abalar toda a estrutura do carro.

feira de exposicao de fuscasApós a retirada do Teto e da coluna “T” do carro, saiba que para que o veículo se mantenha firme é necessário fazer um reforço em sua estrutura, cobre isso do funileiro.

Nas oficinas experientes e bem organizadas, esse serviço já vem discriminado no projeto de transformação.

Em fim, para fazer um fusca conversível, as oficinas cobram em média R$ 10.

000, um investimento relativamente alto em um carro com certa idade.

Portanto, pense bem antes de realizar a transformação.